17855561_10213029394595301_4800530193914147432_o

olha a forma (esta forma)
que tens em frente:
ela evapora, pó de som,
na cola da tua sombra.

ela se descola da massa
sonora: vira imagem
antesposta na corrente
sanguínea: o eco da
tua resposta, esta
poesia refeita prosa.

olha esta forma que demora
na tua mente,
o mais leve halo da aurora:
repara logo, logo ela irá embora,

ela retorna como sulco
de histporia: apenas um relevo
num sujeito todo feito
de memória.

olha bem a forma,
ela irá embora,
e tu deverás saber
com ela o que fazer, agora.

Anúncios