Multiplicidade

tudo

quando continua

tudo

torna-se

ab surdo

e nos torna

mudos: mesmo

se falamos

não dizemos

o segredo que habita

o ponto infinito

(aquele onde

o raio parte

a alma)

apenas dois espelhos

e o mundo

perde seu primeiro

recheio

: a luz

penetra tudo

(e tudo

esvazia)

okistá passasser

desejir outrugar

o-que-está passa-a-ser

deseja-ir a outro-lugar

(se-não aceita ser-múltiplo

enlouquece: nunca conhecerá

a sensação de parar

– a  não-ser no-grito)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s